FASCINANTE

04/12/16

APENAS SONHOS E EMOÇÕES

APENAS SONHOS E EMOÇÕES

Marcial Salaverry

Sempre é gostoso
quando temos um sonho realizado,
e depois ele ser lembrado...
Aqueles momentos de prazer,
sempre sonhados e lembrados,
na memória até morrer,
foram doces emoções nos sonhos vividas...
O sonho é necessário,
pois sempre ajuda a separar
a barreira entre a fantasia e o ato...
Para realizá-lo, basta querermos, de fato...
O que seria da vida seria sem o sonho?
Sem o esforço para realizá-lo?
Sem a lembrança para revivê-lo?
Sem uma canção para melhor senti-lo?
Morrer logo talvez seria preciso,
para noutra vida vivê-lo...
Sempre existem coisas que vale a pena viver,
para que a vida tenha graça,
pois no tempo da vida que passa,
há marcas que permanecerão para sempre,
jamais serão esquecidas, jamais serão perdidas...
É bom demais um sonho realizar,
sempre um sonho realizado é marcante,
deixa uma saudade tão melancolicamente feliz...
Queremos apenas que o sonho se repita...
Um sonho que acertou em cheio,
lindo demais, deixou imensa felicidade...
Sonho que nos causou doces emoções,
emoções que nos alegraram o coração...
Mas, também é verdade, deixou enorme saudade,
e aquela tremenda vontade
de revive-lo no futuro...
Bem, o futuro, por vezes pode ser duro... 
Relicário de muitas esperanças,
de muitos desejos, de todas nossas ânsias...
Como faremos para reeditar um sonho?
Para revive-lo com todas suas emoções?
Como viveremos se não o conseguirmos?
Restar-nos-á sempre,
sonhar sonhos sonhados,
sonhos apaixonados,
sonhos desejados,
com beijos sonhados,

Marcial Salaverry

COISAS QUE NOS FAZEM CHORAR

Certas  coisas que nos acontecem, que vemos ou sentimos,
podem, sim,  nos fazer chorar, e é preciso entender que chegar
às lágrimas, não é desdouro para ninguem,
mas sim uma demonstração de ser uma alma com sentimentos...
Osculos e amplexos,
Marcial

COISAS QUE NOS FAZEM CHORAR
Marcial Salaverry
                                                              
É um fato bem real, e bem sabido, que existem circunstâncias que podem nos fazer chorar.  Pode ser uma grande alegria, uma grande emoção, uma grande tristeza, uma dor profunda, tudo depende da sensibilidade da alma, e até mesmo do momento que estivermos vivendo, pois se estivermos melancólicos, propensos às lágrimas, até um por do sol muito lindo poderá nos fazer chorar. Ou uma música, ou um poema, algo que atinja nossa sensibilidade.
Podemos chorar por saudades.  Alguém muito querido que partiu. Mas nesse caso será melhor nos escudarmos nas boas lembranças, que poderão, se não evitar, pelo menos  minimizar a dor pela ausência.
Essa terapia faz muito efeito, pois lembrar momento felizes que foram vividos juntos, parece que nos faz sentir a presença de quem está ausente. O importante é não nos deixarmos dominar pela dor, procurando substitui-la pela alegria que um dia existiu. E como isso ajuda.  Pode não ser muito fácil faze-lo, mas é um excelente exercício mental.
Podemos igualmente chorar quando alguém nos faz sofrer.  Por exemplo alguém a quem amamos e que nos rejeita.  Seja um amor, um filho, um amigo, enfim, alguém que apreciamos, e que parece não retribuir esse sentimento.
Nesse caso, não vale a pena chorar. O melhor é devolver a mesma frieza, tendo sempre em mente que ninguém merece nossas lágrimas, pois as únicas pessoas que realmente  merecerem nossas lágrimas, nunca nos farão chorar. Pelo menos, não voluntariamente.
Um sentimento de amor, de amizade, de carinho, geralmente só provoca lágrimas de emoção, de alegria, nunca de tristeza.  Havendo essa reciprocidade, até mesmo eventuais ausências poderão ser superadas.
L’Inconnu mostrou-me uma mensagem interessante, que diz  o seguinte:
"Se você ama alguém, coloque seu nome em um círculo, ao invés de um coração. Corações podem se quebrar, mas círculos duram para sempre."Quando estamos necessitando ser ouvidos, apenas os verdadeiros amigos nos ouvirão.  Apenas quem realmente nos aprecia será capaz de nos acudir em nossos maus momentos, sejam eles quais forem.  Muitas vezes, chegam a ouvir o que pensamos.  Essas são as reais amizades.
Não precisamos pedir socorro,  elas nos socorrem antes.  E dessa mesma maneira deveremos agir quando a situação for inversa.
Não deveremos demonstrar raiva, mesmo que a sintamos.  A raiva é má conselheira.  Antes de nos deixarmos levar por sua negatividade, deveremos ponderar bem a situação, procurando ameniza-la o mais possível.  Evitando uma explosão de momento, tudo parecerá menor depois.
Muitas amizades, muitos amores, são perdidos por uma explosão de ira num momento inadequado. Uma amizade assim perdida, dificilmente será recuperada, pois as sequelas provocadas nem sempre encontram lenitivo.
São essas perdas, cuja lembrança poderá provocar nossas lágrimas depois.  Principalmente ao chegar à conclusão de que aconteceram por um momento de destempero que tivemos, ao cortar bruscamente vínculos afetivos plantados durante muito tempo. 
Sofremos e fazemos sofrer, somente por uma questão de orgulho ferido que eventualmente pode ter provocado nossa ira.  Soltamos os “bichos” impensadamente, e depois não os conseguimos repor nas jaulas, perdendo uma amizade que nos era muito cara.
Enfim são muitos os motivos que podem nos fazer chorar.  E uma coisa é certa.  Seja qual motivo for, ao sentir aquele nozinho na garganta, não se reprima, “deixe as águas rolar”, pois é muito melhor um desabafo do que segurar uma emoção que está lá dentro, doidinha pra sair.
Bem, para evitar tudo isso, o melhor mesmo é termos UM LINDO DIA.
 

03/12/16

ASSIM TE DESPERTO


ASSIM TE DESPERTO
Marcial Salaverry

Assim te desperto,
de um jeito bem esperto,
para o amor não esfriar
continuo a te beijar...
Assim, com um doce beijinho,
e com um suave carinho,
será o melhor caminho
para um gostoso despertar,
e um lindo dia começar,
e assim, vamos mais ainda nos amar...

Marcial Salaverry

AMOR FLORIDO

AMOR FLORIDO
Marcial Salaverry

Se pensas que meu amor findou,
saiba ver em meu olhar,
que esta imenso amor não acabou,
pois estou sempre a te amar...

Contigo, nesse jardim florido,
sinto brotar uma linda inspiração,
plantado por esse amor vivido,
que dá vida e perfuma meu coração...

Espero que me abra teus braços,
para mergulhar em teus abraços,
e viver com prazer novamente...

Se não estou contigo,
ser feliz não consigo,
quero te amar, simplesmente...
 

A VIDA É O ESPELHO DA ALMA//LA VIDA ES EL ESPEJO DEL ALMA

A VIDA É O ESPELHO DA ALMA
Marcial Salaverry

A vida é como um espelho,
sempre reflete o que a alma mostra...
Pode ser o lado bom, ou o lado mau,
mostrando o bem ou o mal que se leva na alma...
Se sorrimos, sorrisos receberemos...
Então, vamos sorrir para a vida,
com nosso lado bom superior ao lado mau...
Marcial Salaverry
********************************************

LA VIDA ES EL ESPEJO DEL ALMA
Marcial Salaverry

La vida es como un espejo,
siempre reflejiona lo el alma muestra...
Puede ser el lado bueno, o el lado malo,
mostrando el bien o el mal que se lleva en el alma...
Si sonreimos, sonrisas recibiremos...
Entonces, vamos sonreir para la vida,
con nuestro lado bueno superior al lado malo...
 

Marcial Salaverry

AMOR QUER LIBERDADE PARA AMAR

AMOR QUER LIBERDADE PARA AMAR
Marcial Salaverry

Para poder amar com felicidade,
certamente o amor quer ter liberdade,
essa é a grande verdade,
e com certeza é o grande segredo
que a muitos mete medo...
Com esse pensamento,
para evitar futuro lamento,
não se deve o amor tentar prender,
se não o quisermos perder...
O coração simplesmente é livre para amar,
e se nosso amor quisermos conquistar,
devemos deixá-lo plenamente liberado,
eis que, se ele quiser viver a nosso lado,
certamente não hesitará,
e a nosso lado feliz ficará...
Assim sendo, quem esse segredo desvendar,
e assim souber viver, será feliz em seu amar...


Marcial Salaverry

CERTAMENTE SÃO ESTES OS CAMINHOS DO AMOR

CERTAMENTE SÃO ESTES OS CAMINHOS DO AMOR

Marcial Salaverry

São diversos os caminhos do amor que, em seus caminhos e descaminhos, por vezes segue rumos estranhos, diferentes, chegando mesmo a não permitir que possamos entende-lo, e assim, somos verdadeiramente postos à prova, pois chega a envolver tanto os sentidos, a ponto de nos fazer renascer, e se assim não fosse, poderiamos perder o sentido da vida.
Na realidade, o amor nos leva à lugares distantes, faz-nos sentir em etéreas viagens, propiciando-nos situações inusitadas, traz encantos e desencantos, sempre mexendo com nossa alma e nosso coração.
Aos poetas e escritores, leva  inspirações inesperadas e maravilhosas, provocando lindos  contos e poemas.  E que belos romances já foram escritos...
O que seria dos artistas das letras, não fosse a imprevisibilidade do amor... De onde tirar tantas idéias, se o amor seguisse regras e normas pré determinadas. 
É nessa falta de sentido, que se encontra o verdadeiro sentido do amor.  Parece coisa de louco, e é mesmo, eis que apenas os loucos tem coragem para entregar-se a um amor em sua plenitude, de corpo e alma...
Num segundo, ele nos traz o ser amado,  sua voz, seu toque, seus carinhos são sentidos, e assim, mesmo à distancia, pode-se ver o amor sorrir, e seu sorriso feliz deixa o amante feliz.  O amor nos provoca uma dependência de sentidos.  Nosso bem estar, depende do seu bem estar, nossa felicidade, de sua felicidade...
Sorrimos, cantamos, dançamos, vibramos. Com ele viajamos para lugares distantes, mesmo sem sair do lugar.  Ao lado de nosso amor, transportamo-nos para qualquer rincão do mundo.
Quando não o temos a nosso lado, procuramos de todas maneiras algo que nos faça sentir sua presença, e sentimo-lo a nosso lado. Conhecemos seu cheiro, seus gostos, suas manias, e compartilhamos disso tudo. Conseguimos até mesmo penetrar em seus pensamentos.  Sabemos se está triste ou alegre, apenas olhando para sua expressão facial...
Por termos as mesmas idéias, chega a existir um só pensamento, o que facilita muito a convivência. Por vezes basta um olhar para entender mil palavras...
Ao seu lado, gostamos de nos sentir crianças de novo, fazendo brincadeiras, piadinhas. É uma verdadeira delicia passear descalços na chuva, de mãos dadas com nosso amor... O amor tem dessas incoerências, pois ao mesmo tempo que requer seriedade, respeito, também exige uma boa dose de infância no relacionamento.  
Um amor que não tem limites, e tampouco fronteiras.  Quando está longe, sentimo-lo perto.  Se está perto ficamos abraçados, mais perto ainda...
Vivemos todas as fantasias possíveis, seja em passeios habituais, seja no romance, que não pode ter monotonia... É preciso criatividade. É preciso inventar maneiras. E não pode ser planejado. Como aqueles casais que determinam que o sexo deve ser praticado em dia e hora prédeterminados, pois o amor tem que ser deixado ao acaso, e quando pintar vontade, alguma coisa tem que ser feita, e deve ser feita  com amor, com alegria, com tudo que há de direito...
Tem que haver respeito.  Ambos devem ter os mesmos direitos para falar e para calar, pois o amor requer liberdade.  Um amor obsessivo, que quer nos bitolar, quer nos proibir, é um amor coercitivo, e um amor que não nos deixa ir, não nos deixa viver,  também  não  nos   fará sorrir.
O verdadeiro amor, sempre  tem um sorriso para nós, nos deixa em liberdade para escolher  se queremos sempre estar em sua companhia...
Faz-nos sentir saudade dos momentos felizes já vividos,  dos carinhos que sempre e sempre desejamos.  Saudade que dói, corrói e nos faz melancólicos, tirando-nos a alegria de viver...
Não sabemos por quanto tempo teremos esse amor.  Nosso desejo é que seja para sempre. Se for, será, porém, pela inexorabilidade do destino, um dia talvez nos perderemos.  Isso acontecendo, o certo é que noutra vida nos encontraremos, para continuar vivendo esse grande amor, uma vez que os verdadeiros amores não se perdem nos meandros do tempo.  Permanecem pela eternidade.
Acredito que o maior sonho de todos, é pode olhar seu amor bem no fundo dos olhos, e fazer uma linda declaração ao amor, de hoje, de ontem, de sempre.
E com esse pensamento voltado para o amor, espero que todos tenhamos UM LINDO DIA.

O amor... para ser amor,
Tem que ter calor...
Tem que ter... AMOR!!!
Marcial Salaverry
Vamos respeitar os direitos autorais

02/12/16

SAUDADE DO AMOR

SAUDADE DO AMOR
Marcial Salaverry
 
Saudade do amor,
que à alma dá calor,
é aquela saudade gostosa,
uma saudade quente e melosa,
lembrando momentos de amor vividos,

que desejamos sejam repetidos... 

O REAL ESPÍRITO DE FRATERNIDADE

O REAL ESPIRITO DE FRATERNIDADE
Marcial Salaverry

É preciso bem entender o que é o real Espírito de Fraternidade... É algo que faz parte da alma humana, mas nem todos sabem como fazer para bem usá-lo, apenas lembrando em fraternidade, sempre que chega nesta época do ano, e é quando passa a ser uma palavrinha  muito lembrada, e assim, por todo canto, só se fala em fraternidade, que devemos nos ajudar uns aos outros, que devemos pensar nos menos favorecidos, que isso e que aquilo, esquecendo que existe o resto do ano, e é aí é que o carro pega. Por acaso é só em época de festas que devemos pensar em nos ocupar com os outros? Quer dizer que aqueles que precisam de ajuda fazem uma poupança que lhes permita viver sem precisar de mais nada nos outros 11 meses? Penso que não é bem assim, pois quem realmente necessita, deve receber ajuda o ano todo, para que possa sobreviver até o Natal...
Assim sendo, vamos empregar nosso espírito de fraternidade durante o ano todo...
Por que apenas no Natal?
É preciso entender que solidariedade e fraternidade é algo existe dentro de nós, basta querer e saber usar, lembrando que muitas vezes um apoio moral, uma ajuda espiritual já é de muita valia, e pode aliviar a angústia de muitas criaturas que estejam carentes desse amparo...

ACHADOS E PERDIDOS

ACHADOS E PERDIDOS
Marcial Salaverry
 
Se faltou aquela emoção
que poderia alegrar o coração,
existe uma explicação...
Entre achados e perdidos,
de amores tidos ou não havidos,
se não foi possível ter
o amor que se queria viver,
do porque que não nos encontramos,
se tanto nos procuramos...
São apenas coisas do Destino,
que podem até levar ao desatino...
Assim sendo,é melhor acertar a combinação,
que nos faça sentir a sensação
que certamente poderá aquietar o coração...


Marcial Salaverry