FASCINANTE

24/06/2017

UM MERGULHO NO PASSADO

Mergulhar no passado, para buscar
doces lembranças...
Como é bom faze-lo...
Faz bem para a alma...
Decididamente, recordar é viver...tudo de novo...

UM MERGULHO NO PASSADO
Marcial Salaverry
 
Como é doce mergulhar no passado,
rever o que para sempre ficou na memória guardado.
Sentimos uma estranha fascinação,
que nos faz bem ao coração...
Relembrar aqueles lindos sonhos,
e como nosso porvir era risonho..
Aquele primeiro beijo...
Quanta emoção...
O que foi sonhado,
lá ficou perdido no passado...
Algo foi tentado...
Nem tudo realizado...
Mas aos poucos, a dura realidade
mostrou ser mero sonho de felicidade...
Tudo mudou...
No sótão guardado ficou...
Mas... Que época feliz...
Tanto queríamos crescer...
E agora, se pudéssemos retroceder,
ao passado voltar,
iríamos tudo novamente sonhar...
"Que saudades que tenho,
da minha infancia querida..."
Realmente, os anos não a trazem mais...
Mas, como é bom recordar...
 

ORAÇÃO PARA TODOS OS DIAS

PAZ... Simplesmente paz...
Seria tão simples...

ORAÇÃO PARA TODOS OS DIAS
Marcial Salaverry

A meu Senhor,
rogo que neste amanhecer,
permita-me pedir pela paz,
pela sabedoria, pela força da alma..
Quero ter minha alma plena de amor,
para melhor olhar o mundo...
Quero ser paciente e compreensivo,
para olhar meus irmãos,
como Tu mesmo os olha...
Quero simplesmente ver a bondade...
Quero ficar surdo às palavras de calúnia...
Quero apenas pensar em coisas boas,
levando em meu espírito, nada além de bendições...
quero simplesmente transmitir minha energia interior,
a quem necessite minha força e meu amor...
Por favor Senhor, envolva-me com a beleza
do teu Manto Protetor, para que eu possa
mostrar ao mundo, o que é Luz, Paz e Amor...

Marcial Salaverry

SAUDADE DAQUELA AMIZADE

SAUDADE DAQUELA AMIZADE
Marcial Salaverry

 
Quando existe uma sincera amizade,
certamente a saudade existe em reciprocidade,
se acontece um afastamento...

Sem a presença amiga, a saudade está na alma,
querendo essa presença que alivia e acalma
a dor tão sentida dessa ausência...

Como não existe a presença, usa-se a imaginação...

E assim pode-se aquietar o coração...
 
Marcial Salaverry

COMO UM POETA PODE AMAR


COMO UM POETA PODE AMAR
Marcial Salaverry
 
Para o poeta amar,
tem que muito amor receber...
Tem que ser aceito de coração,
sem qualquer remissão,
ou mesmo condição...
É preciso que se sinta amado,
e não pode ser amarrado...
Não queira o poeta prender em laços,
mesmo que sejam os seus braços...
O poeta para amar,
quer sentir na alma esse amar...
Quer com calor te beijar,
e teu corpo acariciar...
Quer sentir-se em liberdade,
para amar de verdade...
Não se põe seu coração
sob a força de um grilhão...
Faça com que ele sinta que seu amor é de verdade,
e saiba dizer que ele está em liberdade...
Liberdade para voar,
amar ou poetar...
Assim o poeta sabe amar...
 
Marcial Salaverry
 
 
 

A IMAGINAÇÃO PODE ELIMINAR A DISTANCIA

Sabendo bem usar nossa imaginação, ou nossas
recordações, podemos sentir junto de nós uma
pessoa querida que esteja distante, podendo assim,
eliminar essa distancia...
Osculos e amplexos,
Marcial

A IMAGINAÇÃO PODE ELIMINAR A DISTANCIA
Marcial Salaverry
Para que se possa eliminar a distancia que nos separa de alguém cuja presença desejamos, é preciso que se consiga usar a imaginação, para sentir perto quem está longe, e na verdade, pode parecer insana essa história de sentir junto de nós, alguém que esteja fisicamente longe, mas é preciso analisar que existe uma coisa muito interessante, ou seja, a capacidade que temos de conseguir trabalhar com a imaginação, e usando-a bem, realmente poderemos sempre sentir perto de nós a presença de pessoas queridas que, por circunstâncias diversas, estão longe.
Na realidade, não é preciso ficar perto, para estar junto, basta chegarmos à conclusão de que a distancia nada mais é do que algo que separa os corpos, e jamais as almas. Assim, se existe uma afinidade espiritual, sempre sentimos as pessoas amigas perto de nós.
Imaginemos duas pessoas que se amam, mas que por circunstâncias diversas não podem estar juntas, e isso é algo que pode tornar impossível esse amor, ficando no ar a pergunta:  "Será impossível amar-se sem que se tenha o contato físico, o olho no olho, mão na mão?" Penso que não, pois se assim fosse, a história (e a estória também), não registraria tantos casos de amantes que, mesmo separados, continuaram se amando. Pelo contrário, a distância aumentou mais ainda o sentimento que os unia.
Temos uma grande aliada, que é nossa imaginação, e além dela, temos também as lembranças, e com certeza, lembrar dos momentos felizes já vividos, faz com que consigamos suportar as ausências mais prolongadas.  Basta que não deixemos a tristeza tomar conta de nossos pensamentos.
Seja um afastamento temporário, seja um definitivo, basta fechar os olhos, e deixar fluir nossos melhores pensamentos.  Se a concentração mental for bem forte, chega-se mesmo a "ver" a pessoa amada ao lado.  Existe mesmo quem seja capaz de conversar com esse ente querido.  Imaginação ou poder de concentração?  Existem controvérsias, que não adianta discutir, pois cada qual tem sua maneira de ver e sentir a vida...
As ausências ou perdas não devem ser lamentadas.  Uma lamentação traz à tona pensamentos tristes, e estes devem ser, se não deletados, pelo menos arquivados. Devemos, isto sim, "puxar" as alegrias vividas juntas.
E quando ainda não houve o contato físico?  Quando são apenas conhecimentos virtuais? Um amor à distância? Bem, nesse caso é necessário mesmo que se tenha muita imaginação, muito poder de pensamento, pois não há do que se lembrar, já que ainda não foram vividos momentos de ternura e carinho que possam ser lembrados.  Apenas existem palavras de carinho trocadas. E as palavras por mais doces que sejam, nem sempre são sinceras... É bem verdade que nem mesmo apaixonados beijos trocados podem ser sinceros, mas sempre servem como fator de lembrança, como ponto de apoio para a imaginação trabalhar.
E, desde as mais priscas eras, sempre se amou à distância.  Aquelas lindas e melosas cartas de amor que por vezes levavam semanas para chegar, trazendo as palavras da pessoa amada, agora chegam em segundos, via Internet.
Ama-se muito, mas também brinca-se muito.  Mas seja amor, seja apenas uma paquera passageira e inconsequente, seja uma sólida amizade, sempre podemos "ver" ou "sentir" a presença ausente, usando nossa imaginação, nosso poder de pensamento, que poderá estar vivo, enquanto vivos estivermos.
Assim sendo, podemos concluir que o pensamento amigo é na verdade aquele que diz que,   "Não é preciso estar perto para ficar junto, basta estar do lado de dentro", certamente é algo que deve mesmo ser bem considerado.

Assim sendo, minhas queridas crianças, recebam meus ósculos e amplexos, como se os estivesse dando pessoalmente, e, junto com eles, recebam meus mais sinceros desejos de  UM LINDO DIA, sempre imaginando de que podemos faze-lo a cada dia de nossa vida...
                        

23/06/2017

TÔ SÓ IXPRICANDO, ARAVEJASÓ

Aravejasó... Muié é bichu cumpricado mezzz...
Dasveis a genti tá cheiu das boatenção, i elas marda as coisa...
Adispois cando noi si arrependi, elas achuruim...
Osclis i amprexis,
Marcial

TÔ SÓ IXPRICANDO ARAVEJA SÓ
Marcial Salaverry
Mai kikoisa sô,
cê tá quereno sabê
di vredadi o minhas idéia mais ocê...
Socê duvida das minha intenção,
tô ixpricando, araveja só...
Craru que são as maismió possíver,
 carquipodia havé disê?
Tava quereno icocê pra cidadi,
pra modi océ iscoiê
seu vistidin di chita,
pra modi usá nus casorio...
Ucocê tavu pensanu?
Côquiria fazê arguma marvadeza?
Mainunquinha,
sá Mariquinha...
Minhastenção são tudu séria...
Já inté co teuspai falei...
I ele otorizô...
Diz qui noi podi si casá
inté minhã mermo...
Acumé cocê podia pensá
as coisa errada, araveja só...
Gora qui foi cocê mi ofendeu ieu...
Mai tem nada não...
Tiquero ansin mêmo...
Adisconfiada, arredia,
mai moça séria i di respeitu...
Pra sê minhamuié,
si casá mais ieu,
tem que sê ansim...
Noi vai sê filiz inté u fim...
Gora, muié... bejeu, beja, vá...
Totar...noi vai si casá...
Inté qui já podi si bejá...

AMOR SENTIDO NA ALMA

 

 
 
 
AMOR SENTIDO NA ALMA
Marcial Salaverry
 
O amor é sentido na alma,
alma que vibra com o amor,
amor que faz bater o coração,
coração que bate forte quando ama,
ama, porque é amado,
é amado porque sabe viver o amor,
amor com que sonhamos,
sonhamos que estamos amando,
amando com delirio e tesão,
tesão sentido no desejo de te amar,
amar com sentimento, e consentimento,
consentimento dado com a alma,
alma que sente o sentido do amor...


 

APRÉS LA LIGNE DE L'HORIZON // ALÉM DA LINHA DO HORIZONTE

Sempre é preciso considerar como nossa
meta, aquela linha limite que o Amigão
nos mostra... A Linha do Horizonte...

APRES LA LIGNE D HORIZON
Marcial Salaverry

Combien de gens passent leur vie sans la voir,
Sans même percevoir
La merveilleuse beauté
Que recèle la nature… ;
Sans même remarquer
Combien il y a de choses à aimer ?...

Ils passent leur vie simplement,
Sans la vivre entièrement,
En s’intégrant au paysage,
Sans ressentir la beauté de ce voyage…
Sans percevoir combien il y a de vies
Cherchant à être vécues…

Il y a tant de belles choses dans le monde
Qui peuvent nous donner un plaisir profond…
Qu’avec tout cela, nous pouvons écrire un poème ;
Sans penser au triste dilemme
Que beaucoup d’entre nous avons à faire,
Pour réussir à survivre…

Il faut ouvrir les yeux pour la vie,
Pour avoir la nécessaire survie…
Il faut voir plus loin que la ligne d’horizon,
Et non pas juste le mur que nous avons devant nous…
 
Marcial SALAVERRY

ALEM DA LINHA DO HORIZONTE   
Marcial Salaverry

Quanta gente passa pela vida sem a ver...
Sem sequer perceber
a maravilhosa beleza
que se encerra na Natureza...
Sem sequer notar
quanta coisa há para amar...
Passa pela vida simplesmente,
sem vive-la inteiramente...
Integra-se à paisagem,
sem sentir a maravilha desta viagem...
Sem perceber quanto há de vida
pedindo para ser vivida...
Quanto existe de belo no mundo,
que nos pode dar um prazer profundo...
Que de tudo podemos fazer um poema,
sem pensar no triste dilema
do muito que temos pra fazer
para que possamos ao menos sobreviver...
Há que se abrir os olhos para a vida,
para que tenhamos a necessária sobrevida...
Há que se ver além da linha do horizonte,
e não apenas a parede que temos defronte...

Marcial Salaverry
 

É BOM AO MENOS PENSAR NO AMOR

Aproveitando o fato de estarmos vivos e para acalmar os espíritos,
apesar de tudo que está acontecendo no Brasil e no mundo, vamos
pelo menos pensar em uma romantica visão do amor...
Vivamo-lo, pois...
Osculos e amplexos,
Marcial

É BOM AO MENOS PENSAR NO AMOR
Marcial Salaverry

Algo que certamente todos estamos de acordo, é a verdade que diz que o amor é um sentimento que merece sempre profunda reflexão, pois as fantasias  no amor são exploradas no pensamento, e, enquanto as sensações de amor nos tocam, nada consegue nos ferir,  porque a alma está em transe, como que adquirindo uma forte luz, e essa luz ofusca qualquer dor ou amargura, o que pode não ser totalmente real, e assim, vamos tentar pensar com seriedade sobre o assunto.

Podemos dizer que ele funciona como um escudo protetor, enquanto estivermos amando. Realmente,  é muito  bom amar, pois amando, queremos a todos fazer felizes, principalmente a nós mesmos e a quem estivermos amando, e assim, somos capazes de entender as mais  loucas atitudes, aceitando  possíveis desditas, com  o amor  sempre tudo encobrindo, enquanto conseguirmos expressar  e sentir o amor que levamos em nosso interior. Assim sendo, nessa entrega conseguimos mesmo passar para a alma todo o calor que estivermos sentindo na fusão dos corpos em delírio, e certamente não conseguiremos tolerar qualquer separação, que será como  um martírio, eis que sempre desejaremos sentir a presença ausente.

E enquanto estamos nesse doce amar,  somos capazes de ao nosso amor tudo entregar, e, sem sequer parar para pensar, entregaremos o corpo, o coração, a alma, e mais o que for necessário para provar o alcance de nosso amor.  A necessidade de demonstrar a força desse  nosso sentir,  nos leva a algumas loucuras por vezes, e em troca, apenas exigiremos reciprocidade, pois sabendo-nos amados, tudo se acalmará.

Os problemas como que desaparecerão.  As tormentas, os pesadelos,  as desditas, não mais existirão, persistindo  apenas, os doces momentos de amor, que desejaremos sejam eternos.  Mas,  infelizmente,  é quase impossível  que o sejam.  Não se pode ter tudo como queremos, e precisamos entender que o amor é eterno, enquanto é terno, entendendo que sempre surgirão contratempos que poderão gerar ansiedades, dúvidas, e quando tais problemas  vierem nos procurar, deveremos ter forças para superá-los, lembrando dos instantes da doce entrega, e assim,  sequer perceberemos o que a vida encerra, em termos de dúvidas e incompreensões.

Sempre  deveremos seguir nossos instintos, sabendo que olhar para o amor é a única coisa certa, nessa paixão que  nos consome intensamente.  A entrega deverá ser total, para manter sempre o clima de amor, que será como uma luz nos guiando. Essa luz vem da nossa própria alma, concentrada em sentimentos profundos, dominada e quase cega em sua loucura, gerando um calor mágico e inesquecível.

Assim é o amor de verdade.  É um  doce sentimento, que não fala em sofrimento, e que só fala em carinho e, quando em nossa alma o amor é realidade, estaremos encontrando o caminho da felicidade.

O amor sempre quer a presença da pessoa amada.  Se não a temos ao lado, sempre vem uma doce saudade, pois só queremos, na verdade, ter a  presença querida ao nosso lado, mas  se não for possível, sempre nos restará sonhar, enlevando-nos com as doces lembranças dos momentos vividos juntos, perenemente em nossas lembranças.

O amor, sempre estaremos em sua busca incessante.  O mais importante é saber mantê-lo, quando o encontrarmos.
E assim, conseguiremos sempre fazer de cada dia, UM LINDO DIA.

22/06/2017

DIVAGACIONES

 
DIVAGACIONES
Marcial Salaverry
 
Y asi, en tus divagaciones,

entregáte a tus emociones,
y deja sentir la emoción,
que llena de amor tu corazón...